Mini-Contos de São Bento do Sul I

As Pílulas Milagrosas

 

Não havia médicos, e o colono Franz Lilla estava para morrer. Chamou-se outros colonos para auxiliarem a pobre esposa. Eles olharam para o doente, ouviram o que falava, e constataram: febre gástrica. Os imigrantes foram até o centro da cidade e encontraram uma caixa com a etiqueta “Pílulas contra febre”, contendo trinta e duas pílulas, do tamanho de ervilhas. Voltaram para a casa do doente, e lhe medicaram todas as 32 pílulas, lamentando que só houvesse essas. Com uma dose tão grande de medicamentos, Lilla começou a estrebuchar, a querer pular da cama para dentro d’água, e a puxar os cabelos raivosamente, para desespero dos presentes. Foi difícil conseguir acalmá-lo. Por fim, adormeceu.

No dia seguinte, Franz Lilla estava de volta ao trabalho de sua roça.

 

Original em: “São Bento no Passado”, de Josef Zipperer.

Anúncios
Published in: on 10/12/2008 at 4:59 PM  Deixe um comentário  

The URI to TrackBack this entry is: https://coisavelha.wordpress.com/2008/12/10/mini-contos-de-sao-bento-do-sul-i/trackback/

RSS feed for comments on this post.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: